Jornal da Região

Taxistas empreendedores são diplomados

Out 25, 2013

A Secretaria de Mobilidade Urbana de São Caetano do Sul e o Sebrae formaram 51 profissionais autônomos no programa Taxista Empreendedor, curso gratuito de atualização e aprimoramento da categoria. A cerimônia de certificação foi realizada na manhã desta quarta-feira (23/10), no Polo Cultural Casa de Vidro, na Avenida Goiás, com a participação do prefeito Paulo Pinheiro.
 O chefe do Executivo parabenizou os formandos pela dedicação e avaliou que “uma pitada a mais de conhecimento sempre cai bem”. “Estas dicas que vocês receberam de como gerir o próprio negócio certamente trarão resultados positivos no desempenho de suas funções.”
 O programa colocou à disposição dos taxistas as informações necessárias à capacitação e à atualização na carreira. De maneira dinâmica e com linguagem simples, os profissionais receberam visão global da gestão de negócios, com a abordagem de questões importantes do cotidiano, como atendimento, marketing pessoal, turismo, relações humanas, controle financeiro e qualidade de vida.
Os participantes do programa escolheram seus próprios horários de estudo. Isso em virtude do kit educativo que receberam (com cartilha, CDs e programas de rádio e TV), que permitiu o aprendizado dentro do táxi, sem necessidade da presença de professor.
Além dos certificados de conclusão, os formandos receberam o selo de Taxista Empreendedor para afixar em seus veículos. Esta iniciativa visa apresentar aos passageiros que o motorista está atento e buscou, por meio do curso, a excelência no atendimento.
A disputa de São Caetano para ser escolhida como uma das subsedes da Copa do Mundo de 2014 impulsionou o sucesso do programa. “Estamos capacitando representantes de diversos ramos profissionais que lidam diretamente com o público. E é fundamental que os taxistas estejam preparados para lidar com os turistas. E, mais do que isso, que executem esta capacitação no dia a dia para conquistar novos clientes”, ressaltou o gerente regional do Sebrae, Paulo Marcelo Ribeiro.
 O diretor de Transportes de São Caetano, Moacir Guirão Júnior, também exaltou a grande oportunidade que os formandos terão caso a cidade seja escolhida como subsede da Copa. “Com este certificado vocês estão extremamente qualificados e preparados, inclusive para atender bem os turistas.”
 Orgulhosos, os participantes não pouparam elogios ao curso. “Mostrou, entre outras coisas, como deve ser o nosso comportamento financeiro. Ganhamos dinheiro todos os dias, mas antigamente torrávamos tudo de cara. Agora recebemos dicas de planejamento e de como fazer uma reserva monetária”, afirmou Fernando César de Lagos Rosário, que trabalha no ponto da Rua Maceió, no Bairro Barcelona. “Muita gente se surpreendeu positivamente com o conteúdo.”
 José Cláudio da Fonseca destacou as dicas de atendimento aos passageiros e de postura profissional recebidas no programa. “O táxi realmente é um empreendimento. Tive outras ocupações, mas foi o táxi que sempre garantiu o leite das crianças”, disse. Após 43 anos trabalhando atrás dos volantes, o experiente taxista prepara o filho, Mário Alberto, para a mesma profissão. “Fizemos o curso juntos. Foi uma atualização muito proveitosa.”
0
0
0
s2smodern